aneurisma de aorta

O que é e como prevenir o aneurisma de aorta?

Aneurismas são dilatações nas paredes de um vaso sanguíneo. Eles costumam acometer o cérebro, já que o aneurisma cerebral é o mais frequente. Porém, eles podem ocorrer em qualquer artéria do corpo humano, e um dos mais frequentes é, na verdade, o aneurisma de aorta. Também é muito um dos mais graves, já que um aneurisma é silencioso,  podendo romper e causar uma hemorragia e levar a morte.

Na Aorta o aneurisma é classificado segundo sua localização, ou na aorta torácica, ou na aorta abdominal. Isso porque a aorta é a maior artéria do corpo e abrange toda a região do coração até a pélvis. Quando a dilatação se instala em alguma parte dela, o fato de ser mais para cima(torácica) ou mais para baixo(abdominal) define a nomenclatura. Dentre os dois tipos, o mais comum é o aneurisma da aorta abdominal.

Na maioria das vezes, não há qualquer sintoma que denuncie a existência do aneurisma. Por isso, ele é comumente identificado através de exames de imagem, como raios-X ou ultra-som,  que foram pedidos por qualquer outro motivo, ou devido a uma consulta de check-up. Quando existe um sintoma, geralmente o aneurisma consiste em uma sensação de pulsação forte na região abdominal. A dor pode se intensificar ou não. No caso da aorta torácica, os sintomas podem ser bem mais variados, e incluem dor torácica, rouquidão, dificuldade em engolir, tontura, fadiga, falta de ar e outros.

Causas e prevenção do aneurisma de aorta

A principal causa relacionada ao aneurisma é a aterosclerose, que surge com o acúmulo de gordura dentro das artérias e em suas paredes. Isso tem bastante a ver com alimentação incorreta, altas taxas de colesterol e obesidade, entre outros. Ainda assim, nem sempre há um motivo claro para o surgimento de um aneurisma.

Portanto, a prevenção desse e qualquer tipo de aneurisma têm mais a ver com deixar as artérias saudáveis do que com fórmulas mágicas. São cuidados importantes para evitar que o colesterol ou outras gorduras prejudiquem as artérias:

  • Não fume
  • Faça exercícios físicos regularmente
  • Faça check-ups frequentes, e não deixe de ir ao médico
  • Confira e mantenha sua pressão normalizada
  • Confira e mantenha seu colesterol normalizado
  • Diminua as gorduras e o sal no cardápio
  • Mantenha o peso ideal para sua altura
  • Caso tenha diabetes, trate-a corretamente

Esses hábitos são saudáveis e importantes para a prevenção de diversas doenças além do aneurisma.

Tratamentos

Caso você seja diagnosticado com um aneurisma de aorta, o médico responsável indicará uma cirurgia que recompanha a aorta ou substitua a área afetada por um enxerto sintético. Se o aneurisma for pequeno e não apresentar riscos, ele pode ser apenas acompanhado de perto com exames regulares. De uma forma ou de outra, o acompanhamento médico é essencial para evitar complicações.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como médico cirurgião vascular e endovascular em Andradina!

Comentários
Dr. Fábio Aprigio

Posted by Dr. Fábio Aprigio